UM POUCO DO QUE FIZEMOS

Posted by | Blog | 0 |

UM POUCO DO QUE FIZEMOS

 

Chegamos ao último Domingo de 2017. Temos a preciosa oportunidade de revisar nossas ações e planejar o futuro, ao tempo em que recordamos com alegria aquilo que fizemos. Certamente, todos os crentes em Jesus sabem que nada teríamos feito se o Senhor se afastasse da Obra que realizamos aqui. Jesus nos ensina essa verdade: “Eu sou a videira, vós as varas; quem está em mim, e eu nele, esse dá muito fruto; porque sem mim nada podeis fazer” (JOÃO 15:5). Então, enquanto recordamos um pouco do que fizemos em 2017, na verdade estamos pensando naquilo que Deus fez por meio de nossas vidas.

Nesse ano, novos Obreiros foram empossados em diversos Ministérios da nossa Igreja: Pr. Ailton Fialho assumiu a liderança da Congregação Batista no Halim Souki; o Sem. Guilherme Godoy foi designado como Evangelista na Congregação Batista em Carmo do Cajuru; o Sem. Igor Soares assumiu a liderança do Ministério de Juventude; O irmão Silvério Gomes passou a atuar como Evangelista na Congregação Batista em Abaeté e o Pr. Petrônio Borges assumiu a Área Ministerial de Formação Cristã. A equipe ministerial tem sido acompanhada e visitada constantemente a fim de mantermos unidade de propósitos e intercâmbio de conhecimentos.

Em mais um ano marcado por grandes dificuldades econômicas para os brasileiros, conseguimos manter nossas contas equilibradas, cumprir nossas obrigações com ministros e funcionários e, ainda, conservar nosso patrimônio, inclusive com a pintura de diversos espaços. O Projeto de Prevenção a Incêndio e Pânico, de elevado custo, foi completamente pago. Já iniciamos a campanha em prol da instalação de um sistema de climatização do salão de cultos e planejamos, para breve, tratar da construção do Acampamento Batista. Dentre outras aquisições, destaco a compra de duas modernas caixas de som para o trabalho de Evangelização, um teclado modelo ROLAND XPS-10 para o trabalho do Ministério de Música e um moderno Projetor da marca EPSON para o trabalho do Ministério de Multimídia.

Em 2017, a PIB auxiliou Projetos e pessoas carentes de assistência. Doamos agasalhos, roupas, alimentos, artigos de higiene pessoal e material para construção. Outras famílias e pessoas foram favorecidas com doação de Bíblias, aulas gratuitas de música, atendimento psicológico e jurídico gratuitos. Nosso Dia Batista de Ação Social foi realizado em Abaeté, com o alcance de centenas de pessoas e o fortalecimento da nossa Congregação estabelecida naquela cidade.

Durante este ano Deus nos permitiu testemunhar conversões, batismos, recomendação de vocacionados ao curso de Teologia, viagens missionárias, visitas, reuniões e assembleias. Produzimos conteúdo em nosso endereço eletrônico e publicamos diversos impressos, a exemplo do Boletim Dominical que reformulamos completamente. Produzimos e proferimos estudos bíblicos, sermões e cursos, dentre os quais destaco: Homem ao Máximo, Mulher Única, Integridade Sexual, LIBRAS, Professores da Escola Bíblica e Evangelização Pessoal. Comemoramos datas especiais e apresentamos vários Musicais, inclusive fora da nossa Sede.

Certamente, temos colhido os frutos de atividades e encontro especiais. Relembro aqui alguns: ACAMPIB 2017, Seminário da Família 2017, Seminário de Homens, Seminário de Mulheres, Intercâmbio com a PIB em Pará de Minas, Conferências de 98º aniversário da PIB, V ENJUPIB, Congresso de Música 2017, Campanhas de Missões, Acampamento de Inverno da JUPIB, Encontro dos Casais e Recitais do Centro de Educação Musical Batista.

Estamos diante do novo ano que o Senhor nos apresenta como oportunidade de serviço em seu Reino. Os líderes ministeriais foram eleitos e já têm planejado as ações para 2018. O calendário eclesiástico está definido e o Anuário 2018 já está à disposição das famílias da PIB. Elegemos a Comissão do Centenário da PIB e iniciamos as mobilizações em prol desta data especial, com produção de um vídeo promocional, lançamento do concurso para escolha da Logo do Centenário, definição de tema e divisa para o Centenário, bem como a definição de uma provisão orçamentária mensal para as comemorações do ano do Centenário.

Dou graças a Deus por tudo aquilo que fizemos juntos e porque eu tive a oportunidade de servir ao Senhor na liderança desta amada Igreja ao longo do ano. Não posso esquecer do Título de Cidadão Honorário de Divinópolis, a mim outorgado pela Câmara Municipal em reconhecimento aos serviços prestados ao povo divinopolitano. Estou certo de que “Aquele que começou a boa obra em vós irá aperfeiçoá-la até o dia de Cristo Jesus” (Filipenses 1:6).

 

Pr. Tarcísio Farias Guimarães


Deixar uma Resposta